Comentários do Cachecol - Sekai Oni

Um mangá meio louco, meio pervertido e deveras doentio, porém que toda semana eu não sei como, consigo trazer pra vocês minha analise.

Fanfic - O Clérigo e o Dragão

Depois do roubo da Orbe único objeto que protegia a cidade de Coronar do terrível, um grupo de aventureiros decidiram salvar o mundo e trazer a paz novamente.

Os Personagens São Pervertidos Por Causa de Doença

Existe sim uma desculpa para o personagem ser pervertido, pelo menos de acordo com To Love-Ru isso é real.

A Primeira Vez

Quem nunca ficou nervoso na sua primeira vez? Eu fiquei perplexo ao ver tal coisa, e comentei isso com vocês.

A Globo não está Zoando os Otakus

Tive que conversa um pouco com vocês sobre essa pequena guerra dos otakus com a Globo, vamos ver quem está certo.

16 de ago de 2017

CachecolNews - Trailer's e Mais Trailer's


Aloha Família. Amantes de Trailer's e Loucos pela Netflix. Cachecol aqui nesta noite mega chuvosa e mega fria, trazendo mais uma postagem para o blog para não deixar essa semana muito morta e como eu gosto muito cá estou eu compartilhando notícias  de coisas que eu gosto. 

The Lost Child

Novo jogo para PlayStation 4 e Vita, vai ser lançado 24 de Agosto no Japão e já foi lançado o trailer do game, a história do jogo começa quando o escritor de revistas Hayato Ibuki está a investigar a história de uma pessoa que cometeu suicídio na estação de Shinjuku de Tóquio. Uma misteriosa figura escura empurra-o para as linhas, e outra misteriosa e bela mulher chamada Barcia resgata-o. Barcia dá a Hayato uma caixa, que ele descobre que é uma caixa de Pandora que não deveria ter sido aberta. Na caixa está a arma demoníaca Gungaur, e Hayato usa-a para capturar e controlar anjos caídos e demónios. Uma mulher que se apelida de anjo junta-se a Hayato, e eles descobrem vários mistérios juntos.



------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Destiny 2 

As empresas Activision e Nvidia começaram a exibir um trailer do beta para PC do jogo Destiny 2. Que vai ser lançado dia 29 de Agosto. 


Versão completa do game só vai estar disponível dia 24 de Outubro para a galerinha dos computadores, mas pra quem curti PS4 e Xbox One vai sair no dia 6 de Setembro.

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

OVA de BanG Dream!

Já está no ar o trailer do OVA de BanG Dream!, a historia do ova vai desenrola-se durante as férias de Verão das protagonistas. Cansadas elas decidem ir à praia. Lá, os elementos da Rosélia estão hospedados numa casa próxima para praticarem.


Com animação pela Xebec e Issen já a direção é de Atsushi Ootsuki To Love-Ru Darkness, a história original é de Kou Nakamura e o design de personagens é Matsuko Nita.

Quanto a dubladoras temos:
  • Aimi como Kasumi Toyama
  • Sae Ootsuka como Tae Hanazono
  • Rimi Nishimoto como Rimi Ushigome
  • Ayaka Oohashi como Saaya Yamabuki
  • And Ayasa Itou como Arisa Ichigaya
OBS: Além de anime que vai estrear em 2017 vai envolver AMVs, mangas e eventos ao vivo.

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Godzilla: Monster Planet

O primeiro de três filmes em animação de Godzilla pela Polygon Pictures que vai estrear nos cinemas japoneses a 17 de Novembro de 2017 sendo que mais tarde estreia em exclusivo na Netflix. O primeiro trailer acabou de ir para o ar.


Animação é pela Polygon Pictures Knights of Sidonia, a direção é de Kobun Shizuno Detective Conan, Knights of Sidonia e Hiroyuki Seshita Blame!, Ajin e a história foi escrita por Gen Urobuchi Psycho-Pass

E também temos uma imagem promocional do filme:


------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Então isso é tudo pessoal.
Fonte: Tudo tirado com base no OtakuPT
Obrigado por estar no meu blog.
E pra você que está lendo esse post, sinta-se abraçado pelo Cachecol :D

12 de ago de 2017

Comentários do Cachecol - Sekai Oni - 38


Aloha Família. Cachecol aqui nesta manhã quase querendo ser tarde, trazendo mais uma postagem para o blog, de baixo de chuva e tempo gelado, hoje iremos conversa sobre o capítulo 38 de Sekai Oni

Sekai Oni - 38:

Tivemos nesse começo um confronto de palavras, podemos ver que o como a Azuma liberou o cubo com demônio global, meio que a função dos demais cheshire ali acabou, e eles foram ordenados a ir atrás das outras alices e assim deixar a Azuma e o Adachi sozinhos, só que para os demônios globais que estão vendo isso, parece que eles estão sendo subestimados, como se os cheshire não estivessem levando eles a sério, só que mais a frente é explicado isso.


Quando os cheshires deixaram Adachi e Azuma sozinhos com os demônios globais eu logo imaginei que teria uma luta muito grande e alguém iria morrer, mas acabei sendo surpreendido com algumas revelações, sabemos que os demônios globais não querem matar os humanos e muito menos matarem os cheshire, pelo o que parece existe dois mundos iguais, só que um é habitado pelos humanos e outros pelos globais, na grande lógica dita pelo carinha lá, o demônio global é nada mais nada menos que um humano só que de outro mundo, eles são meio que vizinhos, e no meio disso tem os cheshire que são de outra dimensão é só querem ver o circo pegar fogo


Depois de falar que eles são também humanos, o Adachi tomou a frente e começou a atacar verbalmente esse possível "humano", dizendo que já que são da mesma raça, de mundos vizinhos não tem motivo para eles começarem a atacar a galera deste mundo, isso é como uma declaração de guerra, e ai o demônio global veio e disse algo que todos já devem imaginar, eles estão lutando por um bem maior, então se tiver que destruir o mundo humano para poder continuar vivendo eles vão fazer isso, e ai ele pergunta para Adachi e Azuma o motivo deles estarem lutando, Adachi ainda na frente da discussão disse que era por sua família e amigos, já Azuma sendo aquela menina de poucas palavras e até agora em todo o capítulo não tinha dito nem um ai, foi bem sincera e disse isso: 


10 de ago de 2017

Podcast e Seus Benefícios


Aloha Família. Ouvintes de Podcast e Lunáticos por Fone de Ouvido. Cachecol aqui nesta manhã quase tarde mega nublada e com uma enorme cara de chuva. Trazendo hoje mais uma postagem para o blog, vamos conversa um pouco sobre podcast. 

Eu comecei pra valer a ouvir podcast a mais ou menos uns 4 anos, eu nunca fui muito fã desse tipo de mídia, eu nem sabia qual era o aplicativo de rádio no meu celular, imagina sequer então parar para ouvir um podcast. Nem ouvir música eu gosto eu tenho um cartão de memória lotado de muitas coisas, menos de música.  Eu fico sempre me pegando em como eu vivia antes do podcast, como eu jogava, como eu ia para lugares longes e que ocupavam um tempo na estrada ou como eu passava meus tempos livres, eu tento colocar uma balança pra comparar cada coisa. 

Depois que conheci podcast eu meio que me apaixonei pelo formato, hoje em dia entendo muito mais a lógica dos rádios e eu até que escuto bastante, áudio books também é uma coisa que me agrada bastante quando preciso estudar sobre algo, acho que a única coisa que ainda anda morta no meu celular é o espaço paras músicas eu ainda não tenho esse apego pela música a ponto de colocar no celular. 

Podcast sempre é o meu ponto inicial para cada viagem ou saída rápida, se eu vou no centro da cidade eu pego um podcast, se eu vou viajar eu tenho meus podcast’s já baixados e listados no celular, já se tornou uma rotina e um vício, tal vicio que já me fez chegar atrasado em um certo lugar porque a internet tinha caído e eu precisa baixar algo pra ouvir.  E essa é a pegada do podcast, ela é uma mídia não muito atrativa na primeira impressão e se logo de cara não te agradar, raramente você ainda vai ficar ouvido aquilo por mais uma ou duas horas, mas quando ele te pega, realmente você se ver em um novo mundo, com novas opiniões e novas pessoas que por sinal são muito engraçadas, inteligentes e carismáticas.

Diferente de muitos que entram nesse mundo, eu não comecei a ouvir podcast por recomendação de amigos ou queria ampliar meus gostos, foi algo bem inocente mesmo e o pior na época eu nem fazia ideia do que era isso. Procurando algumas músicas de anime para jogar na época o meu rpg preferido que era o Grand Fantasy, eu acabei me deparando com um podcast falando sobre o universo dos hentais, claro como um adolescente no calor de seus hormônios eu baixei achando que era uma coisa mas na verdade era outra... Meu primeiro contato com a mídia não foi lá dos melhores mas com um tempo eu comecei a ouvir bastante, conheci muitos outros e comecei a parar de ouvir também alguns.

Pode até parecer estranho, mas hoje em dia os meus podcats preferidos os que eu sempre escuto não tem nenhum com tema de anime, melhor eu nem sequer tenho podcast com tema de anime eu ouvia muito um certo podcast não vou citar nomes mas acabei parando e desde então eu meio que estou me afastando desse tipo, e abrindo o coração para um novo tema que é a ciência, podcast sobre ciência é talvez o meu preferido ultimamente. 

Os que eu mais escuto: 

Não Ouvo – Zueira
Se Eu Fosse Você – Zueira/Conselhos Amorosos
Rebobinando – Cultura Pop
NerdCast – Cultura Pop / Várias Outras Coisas
Scicast – Ciência 
Alô, Ciência ? – Ciência
Papricast – Cultura Pop
Miçangas – Humanas
Dragões de Garagem – Ciência 

Uma pequena explicação sobre cada um:

Não Ouvo é um podcast do blog Não Salvo, sim aquele blog de zueira que ganha mais processo do que outra coisa, eles tem um time muito legal para encaixar cada palhaçada, então pra quem quer ouvir algo em uma viagem longa e entediante eles são ótimos pra isso. 

Se Eu Fosse Você é também do blog Não Salvo, com uma bancada diferente do podcast Não Ouvo, esse tipo de formato é daqueles bem curtinhos de no máximo uns 15 a 20 minutos, na qual a galera lá lê algum problema amoroso e tenta ajudar na grande maioria das vezes.

Rebobinando é também do blog Não Salvo, também com uma bancada diferente porém desta vez eles estão falando sobre a cultura pop em si e não só cultura pop internacional, mas sim a brasileira também é uma ótima escolha para uma viagem ou enquanto joga algo. 

Scicast, Alô, Ciência ? e Dragões de Garagem são atualmente deste todos que falei lá em cima, são os meus preferidos eu curto bastante ouvir esses três podcast, já todos são podcast de divulgação cientifica que basicamente é o que o nome já fala, são assuntos interessantes, com uma galera mega carismática comentando sobre coisas que ninguém sequer comenta e ainda acima de tudo ensinando sobre. Nesses três podcast na sua grande maioria senão todos eles são professores então toda aquela didática que você sente falta na sala, eles ocupam isso, é um tipo de podcast muito bom pra quem vai pegar uma estrada longa e quer se concentrar em algo. 

Miçangas é um podcast que eu não escuto com muita frequência, mas é um estilo bem legal, eu falei que eles são de humanas e não irei explicar o motivo, recomendo ouvir algum dos muitos episódios que eles tem e entender essa piada interna minha. 

Jovem Nerd é um dos podcast mais famosos que existem mas que não chega a ser o meu preferido, eu escuto pois os assuntos são bem interessantes, se for pra falar de produção, edição e pauta eles são os melhores, porém as vezes se torna enjoativo, porque muita coisa é deixada de falar porque pode ou não irritar alguém, claro que alguns participantes são meio loucos e falam mesmo, mas na grande maioria dos episódios é algo bem chato de se ouvir.

Papricast por sua vez é o meu preferido, eles são mais desinibidos e falam o que querem, os convidados são sempre pessoas que dominam bem do assunto, eles conseguem fazer você assistir ou não um filme, eles tem um time e uma pegada pra comédia inacreditável. Sabe quando sua mãe chega em casa gritando com você? Começa a ouvir papricast que nem vai lembrar que ela está em casa. 

Bem, basicamente é isso que eu tenho pra falar sobre o que eu acho dos podcast, se caso e eu tenho certeza que sim, eu lembrar de algo talvez uma parte dois do post pode surgi algum dia, até lá vamos ficar só com isso. 

Então isso é tudo pessoal.

Obrigado por estar no meu blog.
E pra você que está lendo esse post, sinta-se abraçado pelo Cachecol :D

5 de ago de 2017

CachecolNews - Animes Pela Netflix


Aloha Família. Apaixonados pelo Netflix e Amantes de Animes. Cachecol aqui nesta tarde de sábado, gelada meus amigos como essa tarde está gelada, trazendo mais uma postagem para o blog e hoje iremos falar sobre alguns novos animes que estão vindo.

Já saiu um tempo essa notícia, mas sempre existe alguns remanescentes do caos ou que só estavam jogando algum jogo e por isso ficou sem saber dela, bem a Netflix nossa amada alugadora de filmes e series online, em uma conferência que ocorreu em Tokyo revelou que alguns animes novos serão colocados no seu catalogo e ela também vai produzir alguns animes, que ela já faz isso todo sabemos, mas ela de fato está chegando pra valer agora.
E os animes são:

Devilman Crybaby:
Estreia no Netflix prevista para primavera de 2018. Tendo um total de 10 episódios com 25 minutos de duração cada um



A.I.C.O – Incarnation –:
Original da Netflix, também vai vim na primavera de 2018 e vai ser animado pelo estúdio Bones.


Sword Gai:
Vai ser um lançamento mundial na primavera de 2018


Lost Song:
Estreia também em 2018


B: The Beginning:
Original da Netflix que vai estrear na primavera de 2018 e vai ser animado pela Production I.G


Cannon Busters:
Não é um original, mas vai ter seus 12 episódios exibidos na Netflix, um anime do estúdio Satelight 



Rilakkuma:
Vai ter 10 episódios exibidos pela Netflix, e um Ova para comemorar os 15 anos de franquia, essa coisa fofa também vai vim em 2018



----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Graças a essa notícia já podemos começar a abrir os olhos para Netflix, muitos animes já estão vindo, alguns até originais que são incríveis, eles perceberam que isso abre os olhos da galera, só temos que saber como ganhar pontos com eles. 

Então isso é tudo pessoal.
Fonte: Você Sabia Animes
Obrigado por estar no meu blog.
E pra você que está lendo esse post, sinta-se abraçado pelo Cachecol :D

3 de ago de 2017

JapãoUP - Visto Para Yonsei


Aloha Família. Japoneses de 4º Geração e Pessoas que queriam ter descendente. Cachecol aqui nesta noite chuvosa e fria, trazendo hoje mais uma postagem para o blog, uma atualização interessante para quem quer ir para o Japão e tem alguma descendência. 

Uma ótima notícia surgiu nessa última semana para os descendentes de japoneses. Se você é um yonsei, isto é, um descendente de quarta geração, pode trabalhar agora no Japão, claro indo de acordo com requisitos que já pedem para os outros vistos, coisas como ter um nível compreensivo do idioma para conseguir trabalhar no Japão. 

Essa proposta foi aceita pelo Ministério da Justiça e de acordo com o jornal Yomiuri, é uma proposta que vem com a intenção de abrir a entrada para o Japão para cerca de mil pessoas por ano. E que ao mesmo tempo fazer para esse descente uma experiência de integração e que o mesmo se identifique com a cultura japonesa. 

Para conseguir o visto, é preciso fazer um teste de proficiência nível 4 que eu não faço ideia do que se trata. Ter uma faixa etária compatível que é 18 a 30 anos, e com isso a sua estadia no Japão via ser chamada como Tokutei Katsudo, ou, Atividade Específica. E para que seja possível uma renovação deste visto é preciso fazer uma outra prova da língua japonesa, que é a de proficiência nível 3. Ah sim, nessa ocasião, não é permitido levar alguém da família, diferente dos outros vistos para trabalho. 

Então isso é tudo pessoal.
Fonte: Portal Mie
Obrigado por estar no meu blog.
E pra você que está lendo esse post, sinta-se abraçado pelo Cachecol :D

2 de ago de 2017

Processo Criativo


Aloha Família. Grandes Criadores e Bloqueadores Mentais. Cachecol aqui nesta noite nublada e bem gelada, trazendo mais uma postagem para o blog, com muito sono e cansaço, mas ainda assim aqui. 

Hoje eu decidir conversa um pouco sobre processo criativo, não o tipo de processo criativo dos cinemas, ou seriados grandes, animes ou até mangás, não é nada tão incrível assim, é mais o meu jeito, o meu tipo de processo criativo, como eu escolho um tema e como eu descrevo ele aqui no blog, o quanto tempo leva e o que eu acho dele no final, que na sua grande maioria das vezes eu acabo não curtindo muito o que eu escrevi. 

Eu tenho alguns amigos aqui no blog que de vez enquanto acabamos conversando sobre o nosso universo, chega a ser engraçado dizer isso já que muitas vezes falamos dezenas de assuntos diferentes pra sempre tentar evitar tocar na blogosfera, parece até aquela lógica de adulto “não fale do trabalho, quando estiver de folga”. Quando tocamos no assunto sempre eu escuto uma galera dizendo o quão complicado as vezes é falar de um certo assunto ou pensar no que escrever, e isso me intriga porque eu nunca me vi nesse estado, sim eu já tive muitos bloqueios criativos na qual mesmo com tema eu não conseguir pensar em nada, mas decidir tema e como descrever ele dos anos pra cá isso vem se tornando bem fácil pra mim, não chego a considerar de fato um desafio. 

Usando um exemplo simples, quando eu quero falar sobre algo envolvido ao universo dos animes e ao mesmo tempo não, tipo dizer como foi que eu acabei me apaixonando e atualmente estou noivo, eu pego toda essa onda de animes românticos e começo falando deles e depois entrou no que responde a minha vida. Eu coloquei esse tipo maneira de escrever no meu blog, eu começo falando sobre um assunto por fora e depois entro com a minha opinião ou experiência de vida, esse é o meu estilo e eu tenho essa liberdade aqui porque desde o começo faço isso e também porque o meu blog é algo pessoal, não é um portal de notícias de animes ou um blog de animes é o blog sobre minha vida/pensamentos/opiniões e eu coloco animes no meio. Mas digamos que não quero falar de mim e sim de um anime, ou algum acontecimento, eu simplesmente começo a pensar em algo que acho interessante, uma característica única de algo, e com isso eu irei ter o título da postagem, que é outra coisa que me ajuda, eu não crio pautas ou roteiros do que escrever, eu apenas penso em um nome para postagem e com isso eu começo a falar sobre. Exemplo real eu estava voltando do trabalho e pensei como seria legal falar sobre um processo criativo... Ai como uma explosão mágica de luz que eu sempre tenho me veio a ideia de Processo Criativo, peguei meu bloco de anotações e deixei salvo o que pensei e cá estamos nos falando sobre. 

Então como disse acima, pensar no que escrever e escreve sobre algo não é algo que me impede, porém digamos que estou com pressa ou que não tenho um tempo especial para escrever e revisar o que eu irei falar daqui a pouco. Como eu poderia me salvar disso para não deixar o dia passar em branco, eu decidir criar diversos quadros diferentes no blog, tenho o JapãoUP, Comentários do Cachecol, Cachecol News e etc.. Com esses quadros no blog eu sempre terei um tapa buraco, algo para não deixar o dia vazio, que ainda assim é interessante para o blog, e de uma certa forma sempre comentando sobre o universo que o blog se formou, Japão, animes ou coisas loucas do Japão, ou até notícias que podemos entender como um gancho para o blog, uma rápida postagem informativa que pode desperta o interesse de quem ler pra sempre entra no blog ou ler outras postagens. 

Por último, acho que talvez o mais importante e o maior responsável das postagens saírem sempre dez da noite ou as vezes de madrugada senão só no dia seguinte é a questão do tempo, eu levo até que um tempo rápido pra escrever, postagens como essa que você está lendo eu levo pouco mais de uma hora escrevendo e mais ou menos umas três revisando e ajeitando certinho no blog, já que tudo que escrevo primeiro é montando no world pra depois ir pro blog, já postagens tipo comentários do cachecol ou falando sobre episódio eu levo mais ou menos três horas escrevendo e duas horas revisando, porque tem a parte da análise do capítulo também, postagens rápidas e diretas só de notícias que levam menos de uma hora pra escrever e menos ainda pra revisar, porque já é algo pronto, é mais o ponto de compartilhar a notícias o quanto antes que eu fico me priorizando. 

No fim, as postagens ainda assim saem certinhas, mesmo demorando, mesmo pensando muito ou pouco, cinco anos se passaram e cá estou eu ainda nessa mesma onda, sim mudei muito de opinião e também mudei minha maneira de escrever, mas as bases de organização ainda continuam a mesma e olha... Ainda assim funcionam perfeitamente. E sim, muitas vezes eu não gosto do que eu escrevo, sinto sempre que faltou algo, e por isso criou postagens com segunda partes, não é pelos motivos banais que muitos blogs usam, mas sim pelo fato de que eu deixei algo de fora e meu toc acabaria comigo se eu não corrigisse isso logo. 

Então isso é tudo pessoal.
Obrigado por estar no meu blog.
E pra você que está lendo esse post, sinta-se abraçado pelo Cachecol :D