7 de dez de 2015

Cada um com seu vício

Yoo' Pessoas \ô/


Aloha Família. Cachecol aqui nesta tarde nublada, chuvosa e bem gelada, trazendo mais uma postagem para o blog, hoje pra comentar sobre algo que já era pra ser comentado algum tempo, estava com esse assunto em mente, porém a preguiça e outras ideias veio surgindo que fiquei empurrando com a barriga, porém hoje cá estou eu pra conversar um pouco com vocês sobre vícios, o quanto eles são bons e em qual momento isso se torna ruim.

E já começo a postagem discordando duas coisas que na minha opinião não é vício, pelo menos pra mim não é, que no caso é o computador/internet pois é algo já essencial na vida de todo mundo e logo eu que tenho um blog então dizer que é um vício é algo meio sem sentindo, até o porquê eu consigo sobreviver muito bem alguns dias sem o computador, e o segundo seria os animes, eu vejo muita gente comentando por ai a fora que não consegue passar dias sem ver um anime, ou que o anime é um vício, eu não penso nisso pelo fato de considerar isso como um hobby, assim como o blog, ver animes pra mim é um hobby, vejo quando estou com vontade, tem vezes que fico semanas sem assistir nada, tem dia que assisto três episódios, tem dia que assisto vários e por ai vai, então vamos descarta esses dois pontos ok? OK.

Partindo então pro meu vício e como falei ali no começo, em qual momento um vício se torna algo ruim? eu tenho algumas opiniões e observações sobre isso, recentemente eu comecei a ficar meio que viciado em algo que muita gente descrimina em pleno "século" 2015 quase chegando a 2016.  Bom pra quem me segue no instagram já deve ter visto algumas fotos das minhas tatuagens, sim um dos meus vícios é a tatuagem, no entanto como isso poderia afetar a minha vida a ponto de ser ruim? bom no momento que estou fazendo essa tatuagem eu tenho cerca de sete tatuagens, dentre essas setes, cinco estão no meu anti-braço e se eu tiver que fazer algum trabalho na qual eu vire o braço elas ficam exposta ou só o fato deu mexer o braço elas já aparecem, então trabalhos como farmácia que no caso é aonde eu trabalhava, esse tipo de lugar não consigo mais trabalho pois muita gente ainda descrimina isso, idosos por exemplo e eu não os julgo pois na época deles isso não era normal, hoje em dia de certo ponto de vista sim, e nem adianta dizer "ah só usar um casaco" meu amigo estamos falando do Rio de Janeiro aqui o nosso frio é 24 Cº.

Mas também tem o seu lado bom, eu me sinto muito bem com todas as tatuagens que fiz, todas tem um significado muito grande pra mim e vai render muita história pros meus filhos e netos, mas como o tema do título é vício, vamos dizer que em apenas um ano eu cheguei a ter já sete tatuagens, bem a minha primeira tatuagens foi no final do ano passado eu estava com vontade de fazer e a minha mãe pagou pra mim, sim a minha mãe foi comigo, e desde então de três em três meses eu vou e faço uma, eu tenho uma pasta enorme no computador com diversas ideias pra tatuagens, já se tornou um vício que ao mesmo que seja bom ainda tem o seu pequeno lado ruim, mas como não pretendo trabalhar com pessoas diretamente eu meio que me sinto aliviado.

E bem pessoas mesmo eu não tendo moral pra dizer isso, você não importa qual seja o seu vício tente ao máximo controlá-lo, para que assim a sua vida não acaba se perdendo por causa disso, eu já conheci diversas pessoas que tinha vícios bobos e por causa deles a sua vida ficou meio perdida, perdeu namorado, amigos, a família começou a trata-la mal e dai por diante, então seja cuidadoso, e se você considerar assistir animes um vício assista com moderação pelo menos, faça maratonas todo dia se quiser, no entanto lembre-se das suas obrigações, pois por mais que eu ame fazer tatuagens eu sei até em que local eu posso fazer, e não sou louco a ponto de gastar todo o meu dinheiro numa tatuagens e deixar minhas contas de lado, que pode não parecer mais mesmo com apenas meus poucos 18 anos de vida, eu já sinto o gosto amargo da vida adulta e a sua responsabilidade dentro da sociedade mas é legal.

Então isso é tudo pessoal.
Mais uma postagem terminando no meio, algum dia irie comentar novamente sobre ela :D
Obrigado por esta no meu blog
E pra você que esta lendo esse post, sinta-se abraçado pelo Cachecol :3

0 comentários:

Postar um comentário