26 de dez de 2015

Depois do Natal

Yoo' Pessoas \ô/


Aloha Família. Cachecol aqui nesta tarde ensolarada e um pouco abafada pra variar, trazendo hoje mais uma postagem para o blog, pra conversa com vocês sobre como foi o meu Natal, o que aconteceu depois de 2 da manhã baseando no que me contaram. 

Primeiramente tenho que pergunta, como foi o nata de vocês? bom o meu foi bem louco em vários sentidos diferentes que podemos dizer que foi divertido, e claro quero compartilha com vocês o que aconteceu pois eu pelo menos achei divertido. Começando obvio por eu terminando de escrever pro blog na quinta-feira e correndo pra cozinhar pra tira o pudim da geladeira já que era a ultima coisa que eu tinha feito e depois disso só tinha que senta e descansar assim eu esperava melhor, então lá vou eu tirar o pudim da geladeira, arrumar toda a mesa de natal, espera minha mãe chegar do trabalho pra assim começar a comer pois a minha família é do contra e começamos a comer antes de meia noite, até ai tudo estava perfeito mesa linda, presentes já posicionados na árvore todo mundo arrumado pra ficar em casa sentado pois é algo que também todo mundo faz creio eu.

E enfim deu meia noite, todo mundo alegre comemorado e comendo pra minha felicidade obvio pois achei que algumas coisas não iriam ficar tão boas quanto os elogios que foram ditos sobre elas, então aquele sentimento de trabalho concluído dominou o meu coração, ai como a minha namorada não estava comigo e ela em si tem o dom maravilhoso de larga o celular em datas comemorativas naquele momento não conseguir falar com ela, então já era mais ou menos 1 hora da manhã estava já pronto pra dormi pois todo o trabalho na cozinha acabou com o meu corpo e alma, quando estava indo para cama alegremente pois o ar condicionado estava ligado, estava passando filme natalino e eu estava com sono, ocasião melhor não existe pra dormi, tudo indo bem quando alguns amigos meus chegaram na minha casa, e como toda vez que eles aparecem na minha casa dormi é algo meio impossível e já que argumenta não daria certo eu só aceitei me arrumar novamente e sair como eles pra comemorar o natal, fomos na casa de todos que estavam o grupo e por fim paramos em uma festa quase em outra cidade que eu nem sabia de quem era, pela primeira vez na vida senti na pele o que é ser um "penetra", no entanto todos ali presentes foram bem legais comigo, creio que por ser natal talvez, e como um jovem de 18 anos eu acabei me caindo na tentação da bebida, ok falando assim parece que fui alcoólatra doido mas não, na verdade eu odeio cerveja acho o gosto bem ruim, no entanto eu gosto muito de bebidas quentes, vodka por exemplo, foi uma noite louca, zoei bastante, dancei bastante até o terceiro copo de vodka depois disso não lembro de nada, ai aconteceu que cheguei não sei como em casa as 5 da manhã, só de calça e tênis, camisa sumiu, cordão sumiu, cachecol que creio eu estava usando também sumiu.

A minha única preocupação em chegar em casa aquela hora não era tomar um esporro da minha mãe ou do meu pai pois isso já iria acontecer, o medo e si foi de não conseguir acorda a tempo de abrir a loja já que de uns dias pra cá eu "ganhei" ela pra mim, então fiquei das 5 até as 10 acordado na base do café e água tônica pra curar já a possível ressaca que eu iria ter, e eu escuto do meu pai o que eu mais queria ouvir "hoje não precisa abrir porque é feriado" sim eu não tinha percebido isso e fui idiota de ficar das 5 da manhã quase morrendo pois o efeito da bebida estava passando e o efeito do enjoo estava vindo, fui  para a cama as 10 meio feliz meio triste e não sei o motivo de esta triste, ai eu acordo lá pras 4 da tarde isso já ontem com a pior sensação possível, só conseguir almoçar e voltar a dormi pois imagina alguém que trabalhou na véspera o dia todo, e passou a madrugada toda bebendo, única coisa que sobrou pra mim foi a cama, e depois de todo esse tempo finalmente conseguir falar com a minha namorada lá pras 8 da noite, e depois de tudo isso também eu prometi pra mim mesmo "jamais irei beber novamente", mas claro sabemos que isso não é verdade e que o ano novo esta chegando pra isso.

Então isso é tudo pessoa.

Obrigado por esta no meu blog.
E pra você que esta lendo esse post, sinta-se abraçado pelo Cachecol :3

0 comentários:

Postar um comentário