14 de jan de 2016

Falando Sobre Episódio - Dimension W - 1

Yoo' Pessoas \ô/


Aloha Família. Cachecol aqui nesta tarde nublada e com uma neblina bem alta que até faz parecer que estou em Silent Hill, e bem hoje estou aqui com mais uma postagem para o blog e com um dos novos animes desta temporada, temos hoje Dimension W, um dos animes que decidir comentar toda a sua história, além dele também temos mais um da nova temporada e dois animes "antigos", então sem muita enrolação vamos ao episódio, lembrando como sempre, contém spoiler's. 

Episódio - 1: Coletor

Uma das coisas que já gostei de cara nesse anime foi o ambiente que foi apresentado, temos um Japão meio futurístico meio atual não sei explicar bem isso, digamos que é uma realidade bem legal por ser diferente dos animes que estamos assistindo, os traços desse anime também meus amigos que coisa linda, só se passaram 1:33 de episódio e eu já estou aplaudindo com os pés tudo isso, claro estou incluindo também essa abertura que é sensacional, uma das melhores comparadas a temporada passada.

Bem voltando ao episódio, temos pelo o que parece um mecânico de carros bem mal humorado e que pra minha alegria é o nosso protagonista, gostei já de cara do seu estilo, parece ser aquele tipo de cara bem quieto e ignorante ~la Zoro. Além dele temos também uma personagem que diferente do mecânico tem um nome a Mira, então, temos a Mira voltando pra casa e enquanto ela volta eu pude perceber várias coisas mostrando que esse anime é passado em um universo meio futurística mesmo, e depois de alguns segundos ela chega em casa, pelo o que mostrou o pai dela está de cama com uma doença que provavelmente vai matar ele, poucas palavras são trocadas entre os dois e a cena acaba, a Mira parece ser aquela personagem responsável e independente, não as choronas que vive sendo protegida Inoue Orihime mandou um oi

E bem mudando de cena e com esses dois personagens já apresentados enquanto não temos novos personagens aparecendo, vamos ficar com uma luta de rôbos, pois obvio o que seria de  um universo futuristico sem lutas de rôbos?. E bem essas lutas parecem esta acontecendo em um clube ou algo assim, pois o nosso protagonista vai em uma sala enorme no fundo desse clube e pelo o que parece é a sala de algum chefão, e bem digamos que é uma "chefona" que precisa do trabalho do Kyouma Mabuchi o nome do nosso protagonista que pelo o que foi mostrado ele é um mercenário ou ladrão já que ela mandou ele roubar as coisas lá, no entanto um certo mistério já foi jogado ao ar não bem um mistério mas algo que merece ser discutido mais a frente, como o mundo evoluiu quase ninguém usa gasolina todos agora querem a bobina mas o Kyouma não, ele ainda usa gasolina talvez pelo seu ódio por bobina como a mulher lá falou deve ser envolvido com algo do passado, bem foi isso que eu entendei, espero que explique isso mais a frente pra todos nós ou só eu não ficarmos perdido

Sabe aquele ditado "a curiosidade matou o gato?" então temos a Mira saindo de casa pra comprar água pois pelo o que parece além da gasolina isso também é algo que está em escassez mad max total ai ela ver um grupo se reunindo e obvio vai bisbilhota e acaba sendo pega, esse grupo parece como algo como uma gangue ou bando mesmo pois todos usam branco e seguem um líder, e além desses caras e da Mira o Kyouma chega também está lá escondido no teto bem Batman isso, ele não é um mercenário ou ladrão como eu citei a cima, ele mesmo disse o que é, ele é algo como "Coletor" e ele foi pegar as bobinas ilegais pois bem... são ilegais né, no entanto não pra entregar pro governo e ser um bom cidadão, ele meio que vai entregar pra outra pessoa e com isso ele continua sendo um mercenário já fiquei confuso, mas bem voltando, ele chegou no meio da "festa" da galera dizendo que queria as bobinas, inocente não? e como já sabia que iria tomar um não ele puxou umas faca ou lamina e saiu jogando em todo mundo, imagina uma kunai é quase isso, uma kunai moderna, e o mais engraçado disso tudo é que bem ele dá uma surra em geral e luta muito, mas o que roubou a cena foi ele dizendo que foi lá pegar as bobinas e não salvar a Mira, que por sinal não é uma humana, talvez um droide ou robô mesmo,  melhor eu tenho minhas duvidas se ela é humana mesmo pois ninguém que eu conheço consegue jogar um cara para o outro lado da sala em uma altura enorme, e o melhor de tudo é que depois ela se soltar do cara que estava te ameaçando ela dá um tapa na cara do Kyouma por ele ter falado que não ligava pra que se ela morresse ou não, mas tipo não foi um tapa, foi O tapa, ela estalou o pescoço e desmaiou o cara. Já até percebi uma possível amizade se formando. 

E mais uma personagem é apresentado o Albert, um manda chuva do setor administrativo da Dimesion e mais uma vez me enganei sobre o Kyouma na verdade ele é um coletor mesmo e trabalha pro governo, talvez dê algumas escapadas como mercenário, alguns mistérios já estão se formando, algumas coisas ainda tem quem ser explicadas, o passado do Kyouma é um por exemplo, parece que ele vive preso no passado como se algo muito grande tenha acontecido que mexeu com ele.

E falando em acontecimento eu fiquei muito boquiaberto com tudo que aconteceu no fim, a Mari precisa de bobinas para o seu pai o senhor quase morto na cama, e quando ela sai atrás dessas a equipe do Albert chega na casa desse senhor que na verdade é o criador de tudo isso, esse cara foi quem criou o "Sistema Mundial" então ele é o Nikola Tesla? será? nessa hora fiquei confuso, então ele meio que está com um ódio mortal de tudo, pois o governo matou toda a família dele e roubou suas pesquisas, e pra ele a única maneira deles pagarem isso são morrendo, o cara quer acabar com todo o mundo pra vingar sua família morta, eu não sei se faria o mesmo então considero que esse cara tem coragem. E como todo o mundo agora usa esses sistema, quando ele ativou lá aquela bobina verde que fez um clarão várias maquinas começaram a explodir sua filha robô por sinal também está sofrendo com isso, e enquanto ele faz isso ele diz que isso é só o começo de tudo e claramente eu quero saber do que se trata já que uma put# explosão rolou, e no fim eu achei que alguém iria morrer ou o mundo iria virar algo meio pós-apocalíptico mas não, só uma explosão mesmo que apagou a Mira, no entanto ela foi acordada novamente pelo Koorogi um nerd que trabalha pra Mary a chefona do Kyouma, que bem já que o pai dela deve ter morrido naquela explosão ela não tem pra onde ir e dá pra perceber que ela queria isso desde o começo então ela vai e pede meio que um emprego de coletora, ela que ajudar a coletar bobinas ilegais, a cara do Kyouma foi a melhor de todas "ela tá maluca?" foi o que ele deve ter pensado. 

O que eu achei do primeiro episódio, e o que esperar para o próximo episódio:

Bom família, sinceramente eu curti bastante o primeiro episódio, foi bem diferente de tudo que eu imagine que seria, não está sendo tão clichê assim, temos ai dois futuros amigos ou parceiros de "coletagem", gostei muito do ost do anime, da animação em si dos traços de cada personagem, dos dubladores a voz da Mari é perfeita pra ela, mesma coisa pro Kooroby e pro Kyouma e todo esse universo meio cult, estou tão animado com esse anime pois ele me lembra muito a atmosfera do anime Gangsta e do jogo The Order 1886, esse anime pode concorre com certeza pro melhor da temporada, só não deixar a história decair. O que esperar para o próximo episódio, a principio eu quero saber o que aconteceu com o pai da Mari e com o Albert já que na explosão os caras saíram voando, e também quero ouvir a resposta do Kyouma pra isso, será que ele aceita?. 

Então isso é tudo pessoal

Obrigado por esta no meu blog.
E pra você que esta lendo esse post, sinta-se abraçado pelo Cachecol :3 

0 comentários:

Postar um comentário