6 de fev de 2016

Falando Sobre Episódio - Dimension W - 4

Yoo' Pessoas \ô/


Aloha Família. Cachecol aqui nesta tarde nublada mas muito abafada, trazendo hoje mais um falando sobre episódio, hoje com o episódio 4 de Dimension W, na medida do possível conseguir trazer ele, lembrando como sempre, contém spoiler's. 

Episódio - 4: O Mistério Escondido em Lake Yasogami

Nesta postagem eu vou concretizar que estou perdidamente apaixonado pela Mira, tanto a personagem como a dubladora essa voz é eprfeita na minha opinião, voltando ao episódio no começo dele temos a Mira e o Kyoma viajando para uma cidade talvez pra pegar bobinas ilegais obvio, e no meio da viajem a Mira se depara com um fantasma pelo menos é o que ela acha eu imagino que seja holograma ou algo do tipo, e claro do Kyoma fica tirando sarro disso "desde quando robôs conseguem ver fantasma?" eu estou com a Mira nessa, eu ainda acho que esse "fantasma" vai aparecer novamente. 

Pelo o que eu entendi até agora é que o plot do episódio é um mistério envolvendo a morte de um famoso escritor de novelas, que foi morto pelo seu robô que pode está usando bobinas ilegais, só que esse lugar que eles foram busca as bobinas é um hotel no meio do nada, o lugar onde esse hotel está fica no meio de uma neblina densa pra cacete e o tempo lá sempre está horrível, um filme de terror total, então vou descarta aqui o que eu falei sobre os hologramas, pode sim ser fantasma já que muitas pessoas morreram nesse lugar. 

Dentro do hotel temos alguns personagens que podem vim a ser importante, e alguns passageiros como o gerente do hotel e a irmã do falecido dono o escritor famoso de novelas, mas também temos personagens como a Elizabeth Greenhough-Smith que nome em que é pequena, ela vem toda charmosa dizer um olá para o Kyoma e Mira e os dois ficam "ela é pequena, sim muito pequena" cade os bons modos?, e se o Kyoma não estava bem por ter que isso para esse lugar, no quarto dele temos ninguém mais ninguém menos que o Albert que iria passar as férias em uma ilha só que mudou de ideia e veio pro mesmo lugar que o Kyoma, a cara do Kyoma foi a melhor de todas, enquanto a Mira está paralisada e com um único pensamento "aja normalmente" coitada dela. E meus amigos o Albert é o tipo de personagem que é legal mas é traiçoeiro também, temos que ter cuidado com ele, percebi isso no momento que ele falou do Kyoma ter ido naquele velho comprar um celular e pergunta sobre os Numbers no episódio passado, eu não sei como mas ele descobriu isso, ele é o tipo de personagem que sabe muito bem usar o seu poder e claro que o Kyoma e ele acabaram brigando mas o engraçado de tudo foi que o Kyoma jogou ele pela janela isto no terceiro andar, enquanto a Mira ficou "meu deus é o terceiro andar" o Kyoma foi e disse "não é alto bastante" gosto dessas tiradas do Kyoma faz ele parecer ser bem bad boy e o Albert nem se machucou fez umas piruetas e caiu de pé com a mão no bolso algo como "sou mais bad boy que você"

A noite caiu, e no outro dia temos o Kyoma e Mira começando os seus trabalhos, a Mira teve que ler vários livros pra encontrar algumas pistas sobre o assassinato do escritor, algo que só os livros de verdade podem dizer, não simplesmente baixar na internet como ela pretendia fazer, e o Kyoma deu uma volta por todo o local procurando pistas ou outras coisas só ele sabe o que é, e depois disso tudo ele foi ao encontro do Albert já com as perguntas certas, pois pelo o que parece o Albert já entendeu todo o caso, só estava esperando o Kyoma pra resolver ele, estou chutando aqui que seja isso.

E as coisas ficaram bem complicadas agora e muito confusas e está sendo explicada só que eu não estou entendendo, vamos começar da parte da Mira, ela depois de ler todos os livros ela criou uma imagem na memoria de todo o local já que os livros são baseados no local onde ela e o Kyoma estão, ela criou um holograma enorme com toda a cidade só que 21 anos atrás, ela começou a ver algumas coisas pra tentar achar alguma pista e depois disso ela saiu do banheiro e se deparou com algo meio anormal e que começou a me confundir aqui, pois o quarto dela mudou completamente como se ela tivesse voltado ao tempo, principalmente na parte do que ela abre a janela e está acontecendo um verdadeiro diluviou e assim como ela eu fiquei bem boquiaberto, e a mulher que só estava aparecendo como fantasma estava na frente dela como se fosse alguém real. Mudando de cena temos o Kyoma e o Albert conversando até que o nerd que eu gosto tanto o Koorogi liga pra eles e mostra algo que mano foi louco, o escritor na verdade não morreu pelas mãos do robô e sim pelos fantasmas, eu entendi só isso, o Number é uma bobina tão poderosa que consegue materializar os fantasmas. 

E foi isso mesmo que eu pensei, a Mira foi levada ao passado em 21 anos atrás, só que no lado dos mortos, todos os estudantes mortos entre outros ela está nesse mundo com eles, e temos nele o Kimiki Shiro ou algo assim que é no mundo dos vivos na atualidade ele era o escritor de novelas, eu não entendi foi nada agora, é serio eu fiquei muito perdido nesse episódio, existe dois mundos o do vivo e dos mortos? a Mira está no lado do mundo dos mortos? no passado ou futuro? e por que a toalha não cai do corpo dela? essas duvidas só no próximo episódio mesmo. 

O que eu achei desse episódio, e o que esperar para o próximo episódio:

Esse episódio foi extremamente confuso, não entendi nada DEFINITIVAMENTE NADA dele, vou rever ele com calma depois, e no próximo episódio provavelmente teremos tudo explicado assim espero. E como falei para o próximo episódio espero explicações, pois são dois mundos, gente essa bobina Number é MUITO poderosa, ela materializa fantasmas, conecta dois mundos entre outras coisas, ela é do cacete. 

Então isso é tudo pessoal.

Obrigado por esta no meu blog.
E pra você que esta lendo esse post, sinta-se abraçado pelo Cachecol :3

0 comentários:

Postar um comentário