11 de abr de 2016

Como ter um blog a anos?

Yoo' Pessoas \ô/


Aloha Família. Cachecol aqui nesta tarde ensolarada e feliz ooh tarde feliz, trazendo hoje mais uma postagem para o blog, e hoje meus amigos quero comentar sobre um assunto bem interessante e que vejo alguns comentários e e-mails pra mim, então será uma postagem explicativa de alguma maneira, aquela postagem de utilidade publica. 

Uma dúvida que muito escuto e não entendo é a: "como é ter um blog a tanto tempo?", como eu consegui essa "façanha" ou como eu não desistir, e bem eu tenho esse meu blog, querido e fofo blog a quase 4 anos e na lógica não é algo muito grande, uma coisa muito "ooh" porém para alguns é um numero bem alto, e por isso das dúvidas, então irie comentar um pouco dessa pequena trajetória e algumas dicas interessantes e algumas frases de um blog que eu considero o melhor blog para dicas aos novatos.

Não querendo bancar o "velhote" da blogosfera, mas na época que comecei a escrever eu nunca encontrei um blog pra me auxilar, pois mesmo que seja uma plataforma pra você fazer o que quiser, existe regras não escritas que devem ser seguidas, toda uma questão de ética do que falar ou não falar em um blog, ou coisas mais focadas na parte "executiva" que um leitor por exemplo jamais vai saber do que se trata, e você novato talvez venha ouvir falar só que fica todo perdido, como eu fiquei por um bom tempo no blog, o grande problema meus amigos é que um blog hoje em dia é muito enxergado como algo que tem que ser profissional, muito difícil alguém criar um blog por diversão e se cria é aquela coisa de momento e logo passa fazendo assim um blog bem elaborado e escrito dura só alguns meses, e a maioria das pessoas partem para o youtube pois lá sim é um lugar de diversão não desconsiderando os youtubers que vivem dos vídeos, só quero comparar de uma forma que explica que lá é mais pra só se divertir sabe, e os blogs os sites são algo para "trabalho", uma questão que sempre é aberta em discussões em fóruns algo bem interessante de se aborda e comentar, só que eu opto por não escrever aqui sobre isso pois seria sequências e mais sequências de postagens e nada seria bem explicado, meu ponto de vista não dá pra ser explicado escrevendo, talvez com um vídeo mas ai eu teria que gravar algo então deixaremos isso quieto.

Bem pulando tudo isso, quero aproveitar o gancho pra dizer pra você que pensa em criar um blog, ou você que tem a pouco tempo que não, você não precisa seguir essa lógica e ter um blog "profissional" se só quiser escrever por diversão, fique a vontade, se o seu proposito é só se divertir ignore todas as pessoas que dizem que isso não vai continuar, que não vai dá certo, só se divirta ok?. E bem agora partindo para o que realmente eu quero dizer, para os novatos antes das minhas dicas eu quero ou melhor tenho como dever compartilhar com vocês um dos blogs que considero incrível e principal para novatos nesse mundo maravilhoso da escrita, o que eu comentei no começo da postagem, esse blog é o Aishiteru em Contos, sim a Hina mais uma vez aparece aqui no blog, como já comentei em diversas postagens o blog dela já se tornou o meu preferido, são só pelas dicas para blogueiros novos já irei compartilhar aqui algumas mas sim por toda a trajetória dela e pelo empenho que ela coloca para todas as postagens saírem perfeitas, e de fato todas saem, de todas as várias postagens de ajuda aos novatos, eu escolhi três que são ótimas como base: O que acontece nos bastidores de cada blog, Otimize seu blog, 6 dicas que todos novatos devem saber. Depois dessa postagem leiam todas essas que mostrei e muitas outras e posso dizer com muita certeza que seu pensamento sobre certas coisas no blog vai mudar.

Bem dito tudo isso vamos agora entender como eu me mantive no blog por todo esse tempo e como eu pretendo continuar por muito mais tempo, então quando eu comecei aqui assim como tudo nesse mundo foi uma brincadeira e eu não me imaginava ficar por tanto tempo nessa estrada, eu só queria comentar sobre coisas legais pra ninguém ler, pois na época eu tinha muita vergonha do blog, de divulgar o blog, depois do blog fazer um ano eu conheci uma professora de português que foi a minha professora nos meus dois últimos anos de colégio, ela acabou descobrindo que eu tinha esse blog e ela gostou muito da forma que eu comentava as coisas nele, ela disse que é algo "mágico", só que tinha um problema, minha gramática era horrível, e em um ano ela me fez aprender português de uma forma tão hardcore que acabei me apaixonando pela matéria não é atoa que estou falando faculdade disso, ela me mostrou e me ajudou a passar pelo primeiro obstaculo de ter um blog, que é a gramática. A minha dica principal é essa, se você que ter um blog, comece a amar o português pois se não suas postagens não terão vidas, são pequenos erros de tempo verbal ou de "mais" no lugar do "mas" que o leitor nem consegue continuar a postagem, depois que melhorei minha gramática melhorei todo o meu português o meu blog teve um avanço gigantesco o meu publico aumentou de uma forma inexplicável, e quando você começa a ter seu reconhecimento algo vem junto e não estou falando da responsabilidade pois ela é obrigatória e já irei comentar sobre ela, eu estou falando dos haters, é aquela pessoa que nem ler a postagem mas já sai xingando, tentando derrubar você, acabar com seu dia, muitos blogueiros novatos desistem por causa deles, a aba de comentários vira uma zona de spam sem parar, é muito chato isso e confesso que já pensei em desistir duas vezes do blog por causa de haters, hoje em dia eu estou melhor quando o assunto é isso, não me sinto atacado mais pelos comentários fúteis, por dia são uns dez que ignoro começo a ler vejo que vai me xingar já excluo então faça o mesmo ignore, exclua isso da sua vida não vale a pena ficar triste por comentários sem conteúdo. E a ultima coisa que considero importante é a criatividade, comentei agora sobre a gramática, e como lidar com os haters, e por fim não podemos esquecer da criatividade, a criatividade não é algo que aprendemos a ter e sim algo que temos assim que nascemos, talvez você não encontrou ainda como desperta ela, no entanto ela está ai, só descobri como usa-la de uma forma legal, só tentar escrever de várias formas diferentes até achar a que mais te agrada talvez a parti dali você consiga desperta sua criatividade.

Então que dizer que se você tiver um português bom, não ligar para os haters e ser mega criativo, se juntar essas três coisas você vai conseguir manter um blog a tanto tempo? NÃO SEI, simples assim, não exite uma resposta lógica pra isso, só vivendo pra saber, eu levei três anos pra encontra meu estilo de escrita, eu já escrevi sobre assuntos que não gostei e não foi legal, já escrevi sobre assuntos que gosto muito e também não foi legal, já escrevi todos os dias para o blog e no fim de todas as noites me sentia cansado e com isso minha saúde estava sendo afetada, já tentei colocar calendário de postagem e no começo tudo estava indo bem mas as coisas começaram a desandar e acabou tudo indo pro alto e nada dando certo, e por fim cheguei ao estamos, toda semana tem postagem, a qualquer hora tem postagem.

E por fim algo que só pra completar toda a postagem, que não posso mesmo esquecer já que citei quase agora que iria aborda isso, não posso esquecer mesmo das responsabilidades, eu tenho um publico que de acordo com as minhas frequências de postagem é bem alto, uma galera que não comenta e vocês sabem que não ligo tanto pra comentário, porém as visualizações de cada postagem é gigantesca e muitos compartilhamentos na internet e isso me deixa muito feliz, e com isso uma responsabilidade surge,  uma responsabilidade de sempre ter postagem nova pelo menos toda semana, de saber o que eu devo ou não falar e isso muito blogueiro velho não sabe, uma galera ai que tem cinco ou até sete anos de blog e sai falando o que vem na mente, pois é meus amigos não é assim que a banda toca né, eu respeito meus leitores e evito o máximo possível falar palavras de baixo calão, de ofender alguma crença ou etnia, me envolver com politica ou até falar mal do seu anime preferido, eu respeito tudo isso e quem é meu leitor consegue percebe isso, eu respeito vocês, não vou dizer que amo todos pois a palavra "amor" esse sentimento é algo muito puro e forte não posso sair dizendo isso, porém eu sei que estão ai, e tenho sim um carinho enorme por vocês, por isso todos os dias tento pensar em algo, usar minha criatividade para trazer algo que agrade a todos o possível, isso que pra mim é responsabilidade, e podemos colocar ai que é a minha quarta dica, então temos a gramática, lidar com haters, criatividade e responsabilidade.

Eu considero hoje o Otaku de Cachecol uma vida, uma família, um lugar pra se expressar, um trabalho que mais que eu não seja remunerado em dinheiro, eu ganho muito em todo o resto, um simples comentário "amei sua postagem", ou de por exemplo alguém me encontra em um evento como bienal e dizer que ler o meu blog, são coisas estão lindas que dinheiro nenhum não paga, sabe dá pra viver do blog se eu quiser, o problema é que eu sinto que o blog estaria perdendo a essência se eu colocasse anúncios nele, não julgando quem faz isso, cada um faz o que acha melhor pra si, estou dizendo que no Otaku de Cachecol ainda essa ideia não veio na minha cabeça, estou bem do jeito que estou, não quero "vender" nada ainda, só quero escrever pra vocês. Então você ai que tem isso em mente, de "vou criar um blog pra ter dinheiro", cara, no sério esquece isso, só escreva se você quer escrever, faça algo que você ama e não porque isso vai te deixar "rico", mas se você ainda sim continuar com esse pensamento, vou deixar uma dica mágica pra você, só pra você a minha quinta dica que é só seguir esses passos "configurações -> outros -> excluir blog" ai você procura seu emprego pra ser "rico" ok?.

Bom pessoas, acho que resumi de alguma maneira um pouco do que penso, do que me fez a continuar com blog e se eu sai do foco do assunto por favor me perdoem, enquanto a Hina do Aishiteru em Contos tem dislexia eu tenho também tenho um grande problema que é o deficit de atenção e sempre acabo me perdendo sozinho nos assuntos, porém acho que foi tudo bem explicado.

Então isso é tudo pessoal.

Obrigado por esta no meu blog.
E pra você que esta lendo esse post, sinta-se abraçado pelo Cachecol :3

0 comentários:

Postar um comentário