23 de abr de 2016

Falando Sobre Anime: Kuroko no Basket

Yoo' Pessoas \ô/


Aloha Família. Cachecol aqui nesta tarde extremamente ensolarada e muito abafada pra variar, trazendo hoje mais uma postagem para o blog, hoje meus amigos finalmente depois de muito tempo trago pra vocês o Falando Sobre Anime, também pra compensar o Falando Sobre Episódio que dei uma pausa mas já trago também ele.

Hoje meus amigos trouxe um dos melhores animes de esporte que já vi, antes de assistir eu tinha uma imagem negativa do anime, no entanto assim que comecei a assistir meus amigos foi amor a primeira vista, aquele tipo de anime que faz você querer ser o personagem ou ser igual a ele, porém sou ruim no basquete sou baixinho... não rola, bem deixando as enrolações de lado vamos ao que interessa.

Informações Gerais: 

Gênero: Comédia, Esporte, Shounen, Vida Escolar
Direção: Shunsuke Tada
Estúdio: Production I.G
Episódios: 25 Episódios
Ovas: 8

Ano de Lançamento: 2012

Sinopse: Era uma vez, o time de basquete da escola secundária Teiko subiu para distinção demolindo toda a concorrência. Os frequentadores dessa equipe tornou-se conhecida como a "Geração dos Milagres". Após terminar o ensino médio, esses cinco estrelas se mudaram para escolas diferente, cada escola tinha uma forte equipe de basquete. No entanto, um fato que poucos jogadores sabem é que havia outro jogador da "Geração dos Milagres", o sexto jogador fantasma. Este jogador misterioso é agora um calouro na Seirin High, uma escola nova com uma poderosa, e pouca conhecida, equipe basquete. Agora, Tetsuya Kuroko, o sexto membro da "Geração dos Milagres", e Kagami, um jogador de talento natural, que passou a maior parte do ensino médio nos Estados Unidos, têm o objetivo de trazer Seirin ao topo do Japão, jogando contra os companheiros antigos de Kuroko, um por um.

Minha Opinião: Antes de assistir eu imaginava que era só um anime de esportes qualquer, eu sempre tenho essa mania de ficar rotulando animes, porém a forma que tudo é apresentado mudou totalmente meu pensamento eu levei um belo tapa na cara, assim que comecei assistir o primeiro episódio eu me senti no corpo de um jogador de basquete, essa imersão é algo totalmente mágico e incrível fazia tempo que isso não acontecia comigo ao ver um anime e eu sentir isso assistindo um anime de esporte então ai sim é algo insano, depois de anime de mechas o esporte é um gênero que eu nunca me identifiquei sempre tento fugir, porém isso foi totalmente destruído com Kuroko no Basket. 

Além dessa imersão, o anime consegue trazer um enredo totalmente cativante que prende quem assistir, dizer que existe uma Geração dos Milagres, os melhores jogadores que já existiu e que ninguém consegue deter eles, só com isso anime cria como se fosse uma barreira, um limite para todos os personagens, ninguém vai conseguir chegar ao nível deles pois eles são os melhores do Japão, e ao mesmo tempo o anime cria um personagem que basicamente diz: "não ligo pra isso, irei ser o melhor jogador do Japão" meio clichê eu sei, porém é diferente dos clichê de animes normais também, porque você ver que o cara é bom e que ao mesmo tempo ele esta se dedicando a aprender mais e mais, o Kagami tem esse espirito de querer ser o melhor, é algo que mexe com você de uma maneira que você fica torcendo pelo sucesso dele e por toda sua equipe, e um outro lado bom é que ele tem o Kuroko que é um dos 6 da Geração dos Milagres e escuta do próprio Kuroko "eu irei fazer de você o melhor jogador do Japão" pronto nesse momento nasce uma das melhores duplas que já vi. E falando no Kuroko, esse cara é um dos personagens que mais me identifico pois eu já comentei aqui várias vezes, que sempre opto por ser aquele jogador/personagem que não precisa se destacar e sim ajudar os outros, e isso que o Kuroko faz, é o "rei dos passes" ele não tem esse titulo ou tem mas eu gosto de chamar ele assim, pela forma que ele consegue jogar, só dando tapas na bola e fazendo passes precisos e certeiros praticamente o cara mais importante dentro do jogo, e ainda por cima essa habilidade dele natural de ficar invisível, esconder sua presença perto dos outros então imagina no meio de um jogo o cara simplesmente desaparece do seu campo de visão e do nada aparece só pra dá um toque na bola e depois "kabuuum" cesta, basicamente isso que ele faz, depois de conhecer um pouco de todos os caras da Geração dos Milagres mesmo que ainda não tenha aparecido todos e que todos que já apareceram não mostraram tudo de si, eu ao meu ver o Kuroko é um dos mais fortes, e falando na Geração dos Milagres, ao decorrer do anime você acaba até esquecendo disso, pois ok existe esses caras que são os prodígios do basquete, consegue jogar como ninguém, porém são tantos personagens que jogam tão bem que não tem como ficar só puxando sardinha para os prodígios, só no time do Kuroko tem por exemplo o Kagami que é por si só um cara insano, os pulos dele ultrapassa a própria cesta, ele é tipo "oooh", tem um cara no mesmo time do Kagami que tem a visão de águia que praticamente faz ele conseguir ver toda a quadra a forma de como fazer uma jogada, entre muitos outros personagens de outros times que faz você esquecer os "principais", eu só percebo que o cara é um prodígio pois a cor do cabelo é diferente. 

Não irie comentar aqui sobre o poder, ou só habilidade de cada personagem, pois se parar pra ver não existe essa de poder, e sim uma habilidade única, como por exemplo tem um personagem que é chamado de "Copiador" porque ele tem a habilidade de aprender rápido demais como um estilo de um jogador e usar isso na hora, não é um poder mas sim uma habilidade, então para saber melhor isso só assistindo o anime. 

Bem meus amigos ele não é considerado um dos melhores animes de esporte atoa né, está atualmente na terceira temporada, o que eu falei aqui é referente a primeira, e também optei por dessa vez a não soltar spoiler's de nada, tentando ao máximo ser alguém legal. De todos os falando sobre anime, posso considerar que esse é um dos melhores que já indiquei, e um dos melhores que já assisti, única coisa que posso adiantar já do anime é que se prepare pois ele vai prender você e depois de cada episódio vai querer assistir outro, em dois dias eu assistir todos os 25 episódios, e simplesmente amei o anime, a cada jogo dos campeonatos, ou a cada treino dos personagens meus olhos brilhavam, é aquele tipo de anime que faz você querer fazer o que o anime faz, eu confesso que até o episódio 10 eu queria muito jogar basquete, eu queria fazer os passes e tudo mais que nem no anime, porém eu sou um anão e sou péssimo em basquete, descartei essa opção meio triste, mas fazer o que né. 

Então isso é tudo pessoal.
Assistam pois vale a pena
Obrigado por esta no meu blog.
E pra você que esta lendo esse post, sinta-se abraçado pelo Cachecol :3

0 comentários:

Postar um comentário