15 de mar de 2017

Os Personagens São Pervertidos Por Doença


Aloha Família. Indecentes que são inocentes e Pervertidos de carteirinha, hoje nessa noite abafada mas com cara de chuva estou trazendo mais uma postagem para o blog, para falar sobre pervertidos, que de acordo com To Love-Ru existe uma doença que causa a perversão da galera... 

Bem pessoas por muito tempo os animes ecchis tiveram diversos momentos estranhos, quem acompanha animes ecchis e se interessa pela história percebe que como tradição os animes ecchis tem como plot principal um personagem pervertido, mas acontece que de vez enquanto alguns animes se diferenciam dos demais como por exemplo To Love-Ru que tem um mangá bem picante e acima de tudo tem um protagonista bem diferente do normal um cara que repudia as mulheres no sentindo de que não consegue está próximo a elas, porém como estou falando de ecchi quando eu digo que não consegue está próximo a elas estou falando no sentindo erótico mesmo. 

Yuki Rito sofre em todos capítulos diversos tipos de agressões por ter um jeito desastrado com as mulheres e no capítulos 65 e 66 de To Love-Ru Darkness isso é explicado, de acordo com a doutora Mikado o Rito tem uma doença chamada Síndrome de Cataplexia Indecente que é um nome provisório para o seu problema, por ele ser inocente até demais com as mulheres ele acaba ficando envergonhado a ponto de tropeçar e cair em cima delas, porém não é só cair em cima delas, mas sim cair em cima delas em uma posição muito aflorada. 

E com esse diagnostico louco da Mikado, eu comecei a enxergar alguns ecchis com outros olhos, porém eu percebi que temos uma diferença dos demais para o TLR, o autor em TLR aproveita do fator inocente do Rito para piorar a situação, nada ali acontece por querer e sim tudo acontecem em um ato de deus, ou em inglês "Act of God" que é um termo usado no mangá e em muitas outras coisas para explicar um acontecimento que não teria como ser alterado, pode ser atrasado ou adiado mas em algum momento isso vai acontecer, então TLR usa muito isso com o Rito ele em alguma hora vai cair em cima de uma garota, muitas das vezes ou melhor em todas as vezes ocorreu sem querer, mas ocorreu, logo isso tudo não é nada mais nada menos que um Act of God. 

O Restante do capítulo temos a Mikado fazendo algumas perguntas e ignorando as respostas do Rito fazendo ele parecer um completo pervertido que talvez até em seu subconsciente ele seja um pouco porém isso é algo envolvido a teoria e só irie falar em outra postagem. O Mais engraçado de todo esse teste cansativo da Mikado é que no fim ela simplesmente diz pro Rito que ele tem que aproveitar desse seu lado que se ele ficar guardando pra si ele pode morrer só um pouco exagerada e que ele tem um talento nato para a coisa podendo fazer qualquer garota da Terra ou fora dela se apaixonar por ele tal coisa que já vem acontecendo a muito tempo no mangá, a única pessoa que sai completamente feliz desse exame é a Nemesis que está no corpo dele e que em sua mente foi algo como "Se um adulto está permitindo, vamos com tudo!" 

Algo que podemos aprender com tudo isso é que temos uma doença, uma terrível doença chamada: Síndrome de Cataplexia Indecente. Que se algum dia aquela garota da sua escola vier reclamar de você, ou se alguma outra pessoa pensar em te julgar você diz bem alto: ei ei ei eu tenho uma doença tá. Porque por mais engraçado que seja alguém dizer que é doente diminui as chances da outra pessoa brigar, seria legal se o Rito começasse a falar isso, assim ninguém mais iria tentar matar ele só porque o coitado caiu e arrancou a calcinha de alguém... Ele é totalmente um inocente.

Então isso é tudo pessoal.

Obrigado por estar no meu blog.
E pra você que esta lendo esse post, sinta-se abraçado pelo Cachecol :D

0 comentários:

Postar um comentário