Deaimon e a onda de pais de aluguel nos animes



Nessa atual temporada de animes, está sendo lançado o anime Deaimon que a principio é pra ser um anime slice of life, mas que eu já estou sentindo o drama querendo se forma. Um cara que saiu atrás de um sucesso e que está voltando pra casa dos pais depois de 10 anos, e seus pais que são donos de uma loja de doces tradicionais japoneses, loja essa que está anos no mercado, aquela vibe bem de gerações que em todo mundo costuma ter. 

Até ai seria um anime super comum que qualquer um poderia ver, mas o interessante do anime começa ai, pois quando o nosso protagonista chega em casa, descobre que a loja já te uma sucessora e que não é ele, pois é uma garota que foi abandonada pelos pais e trabalha na loja. Então pelo o que eu entendi nesse primeiro episódio o nosso protagonista não vai mais ser o sucessor da loja, e sim vai "cuidar" e ser o "pai" dessa garota. E ele aceitou tudo isso muito de boa, o que claro não é nada mais nada menos que a magia do anime e suas jogadas pra tudo acontecer e ponto final. 

Depois de assistir Kotaro vai morar sozinho, esse anime na netflix que vale muito a pena, eu já estou entendo qual é a nova onda dos animes, agora é colocar crianças que não querem viver com pais ou por algum motivo elas estão sendo obrigadas a viver sozinhas e assumir já atitudes adultas. Porque é super comum uma criança de quatro anos morar sozinha, e ai tem o nosso vizinho que assumiu esse papel de pai, levando o Kotaro pra escolar e trazendo ele, assim como cuidando do garoto no geral. 

Tem também aquele anime antigo Papa no Iukoto wo kikinasai batch. Que o tio das meninas tem que assumir o papel de pai delas pois os pais morreram em um acidente, e ai nos que estamos assistindo ficamos torcendo para as coisas dá certo e surtamos com qualquer problema que acaba surgindo, chega ser realmente engraçado como esse tipo de estilo de anime vem surgindo e cativando cada vez mais a gente. 

Eu particularmente  me pego muito preso nesse tipo de anime, por mais que ache estranho no começo, eu costumo continuar assistindo pois quero entender o que os personagens pretendem fazer da vida e como eles vão lidar com cada situação complicada que vai vim surgi e mesmo sendo muito contra qualquer tipo de drama nos animes pois eu odeio chorar assistindo eles, eu acabo ignorando essa decisão minha só pra entender o que a história quer me contar. 

Então sim, eu vou vê esse anime, obvio que vai ter alguns momentos de drama, a garota está em busca do pai e o pai pode surgi e ser um completo babaca e ai o protagonista tem que vim e consolar ela, eu já até espero algo assim, mas vindo de anime algo muito pior pode acontecer e me deixar completamente destruído.  Mas essa é a graça desse universo que tanto amamos né? 

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.